Ao colocar o pé fora de casa, o brasileiro está sempre com medo. Mesmo dentro de casa não se pode dizer que está protegido, mesmo se trancafiando em construções de muro alto, com cercas elétricas, concertinas e sistema de monitoramento por câmeras de vídeo. O terror da violência e da falta de segurança pública está presente em diversas cidades brasileiras, em umas mais, outras menos, sendo um problema geral da nação.

A causa é multifacetada e agrega diversos fatores. Porém, o tráfico de drogas e o crime organizado é o principal motivo. Assaltos à mão armada tem se tornado frequentes. Os criminosos roubam com o intuito de levar o dinheiro da vítima para satisfazerem o seu vício na compra de drogas. A população está numa situação difícil, pois pouco parece ser feito no combate à violência. O principal dificultador é a impunidade, sendo muitos crimes cometidos por menores de idade. O fato de os criminosos não serem punidos rapidamente e com rigor, aumenta a chance da reincidência e do aumento nos ataques à sociedade por meio da violência.

Os grandes centros sempre sofreram e ainda sofrem, mas tem ocorrido um deslocamento das quadrilhas para o interior onde o policiamento muitas vezes é insuficiente. É difícil imaginar um fim para violência no Brasil, só que o país tem passado uma degradação na qualidade de vida e nos valores culturais e familiares. A precária educação, a falta de incentivos na área da empregabilidade e dos direitos sociais, colocam pessoas à margem da sociedade, inserindo-as na exclusão que as levam à criminalidade e às drogas.

O investimento no policiamento, bem como o treinamento e capacitação dos servidores militares, criação de guardas municipais e, principalmente, o desenvolvimento de políticas públicas bem elaboradas e implementadas que combatam o uso de drogas, o tráfico de drogas e o crime organizado, são as medidas recomendadas. O brasileiro está sempre com medo, mas não perdeu a esperança. É pelo conhecimento e principalmente por atitudes sérias e a reorganização das leis do Brasil para que puna os criminosos e combata a violência com eficácia que farão com que estejamos sempre seguros e a que a segurança pública não seja o maior problema brasileiro, mas sim o principal ponto da qualidade de vida no país.

Anúncios