O Evangelho deste domingo é o evangelho da gratidão, no qual 10 leprosos são curados por Jesus, mas só um voltou para lhe agradecer. Devemos ser gratos a Deus, por tudo o que temos. A cada dia, Deus opera milagres em nós… Quem sabe não é hoje o milagre que esperamos? Porém, Deus somente poderá fazer vida nova em nós, se nós quisermos e nos dedicarmos para tal. Assim, a metáfora que o padre usa na missa de que devemos buscar os altares, ou seja, a beleza de um altar católico, deve ser buscada para que um dia sejamos entronizados como extremamente bem-sucedidos em nossas vidas. Mas não os altares materiais. O altar da eternidade. Nossa vida eterna de espírito em que estamos, buscamos nada mais do que nossa transformação. Ainda temos muito o que buscar somos pequenos, mas na gratidão a Deus crescemos e assim como diz Paulo, na carta à Timóteo da segunda leitura, Jesus nunca nos será infiel, pois seria contra seu próprio nome. Portanto, enquanto unidade do Cristo, um corpo único, enquanto irmãos na fé, mesmo quando não somos fieis, Cristo na presença de Deus revela sua fidelidade a nós. E nunca estamos sós! Por fim, quando os nove voltaram, provavelmente estavam dizendo: “Não fez mais do que a obrigação”. Quantas vezes somos soberbos e vaidosos e achamos que merecemos tudo de mãos beijadas. Se pararmos para olhar, Deus nos dá muito mais do que merecemos. Sejamos gratos, pela nossa vida!

leprosos

Anúncios