Foi realizado no dia 16 de abril o 2º Café com Letras do Núcleo Dércio Andrade – Educafro, em Passos. Dessa vez a obra discutida foi “A hora da estrela” de Clarice Lispector. Organizado pelo professor de Língua Portuguesa, Redação e Literatura, Danilo Vizibeli, o objetivo do evento é colocar em discussão as principais obras literárias que são cobradas em vestibulares.  O projeto do Café com Letras teve início no ano passado, com a obra Dom Casmurro.

O Café com Letras é uma prática tradicional de grupos de intelectuais que se reúnem para trocar experiências e vivências e ao mesmo tempo debaterem alguma obra literária, música, obra de arte ou outro objeto de valor cultural. O professor Danilo Vizibeli tem desenvolvido um trabalho conjunto com os demais educadores do Núcleo Dércio Andrade com o objetivo de estimular a prática da leitura e ao mesmo tempo contribuir para o melhor desenvolvimento da prática de redação e escrita, da qual a maior parte dos alunos tem dificuldade. “Tenho muitos livros em casa e levo-os para sala de aula e empresto para os alunos levarem para casa. Livro parado na estante não tem serventia. Não importa se o aluno quer ler Crepúsculo ou outras obras contemporâneas ou se quer ler um clássico como Dom Casmurro ou Iracema, o importante é dar os primeiros passos para que a leitura torne-se um hábito. Devemos começar pelo mais simples. Lendo obras mais fáceis os alunos têm contato com a leitura, começam a praticá-la e em breve estão lendo obras que exigem uma reflexão crítica maior”, disse o professor.

Os alunos da turma de 2012 gostaram da ideia e participaram ativamente da discussão. Eles opinaram e debateram como, por exemplo, a questão da morte presente em “A hora da estrela”. Após o Café Com Letras veio a aula de Práticas de Cultura e Cidadania, com a professora Marli Ferreira. Dando prosseguimento ao debate Marli falou sobre a atribuição de sentidos às coisas que nos acontecem e pediu aos alunos que fizessem um poema para o professor Danilo. A criação ficou superinteressante e mostrou que os alunos tem capacidade de criação e conseguem produzir um texto com autoria e sentido.  “Adorei estar presente no 2° Café com Letras. Preciso confessar que estou começando a mudar de ideia com relação, a que area vou prestar no vestibular este ano”, disse a estudante Suzi Correa.  “Estava muito bom mesmo, espero que haja outros”, acrescentou a aluna Solange Barbosa Silva.

O próximo Café Com Letras está marcado para o mês de junho com a obra Capitães da Areia, de Jorge Amado, que esse ano cai na Fuvest e Unicamp. Os interessados em trocar experiências e conhecer os projetos de estímulo à leitura e à cidadania que estão sendo desenvolvidos no Núcleo Dércio Andrade podem entrar em contato pelo e-mail danilovizibeli@gmail.com ou pelo telefone do cursinho 3522 9700.